9 de jul de 2011

MEIAS NOS PÉS

Amar é conseguir sorrir atravez do sorriso de outro alguém
A vida possui tanta iminência de morte, e a morte nenhuma iminência de vida
Me assusto ao perguntar-me: realmente aconteceu? Me pego procurando vestígios pela casa, algo além das minhas lembranças que me confirme que eu estava acordada, sinceramente eu não tenho tanta certeza.
Na medida que perdemos nossa fé, perdemos nossos medos, tentei pensar nas coisas que ainda me assustam, eu não tenho mais medo do escuro, da solidão, da morte, dos demônios, da dor, eu busquei lá no fundo algo que me apavorasse.... e me apavorei, pois a única coisa que me causou medo foi lembrar que eu senti felicidade.
Hoje coloquei meias nos pés para dormir, eu não gosto de usar meias, mas essa noite em especial parece-me tão fria 

Um comentário:

  1. A felicidade doi. Porque foi a fraqueza de todo um tempo de dor duramente construído. E agora, o que resta?

    ResponderExcluir

Permita um fragmento seu escorrer até suas mãos e então escreva