26 de nov de 2010

GOTEJANDO

Escrever sobre o meu sentimento é como pegar um pouco da água do mar com uma seringa e respingar na tela.
Minhas poesias são só gotas do meu amor
Talvez um dia queira mais do que gotas de mim, se isso acontecer e você não estiver no deserto... porque no deserto não chove gota alguma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Permita um fragmento seu escorrer até suas mãos e então escreva